A minha meta pessoal!

sábado, 14 de março de 2009

Mudança de planos!

Neste momento tenho duas alternativas:
  1. Dar tudo de mim para chegar aos 59kg ... e ter como único prazer ver o número na balança;

  2. Continuar o trabalho que tenho tido, manter-me um pouco acima dos 60kg na balança, mas ter pernas, braços, barriga e rabo mais duros, contornos mais definidos, mais flexibilidade, mais resistência, melhores valores analíticos e sentir-me melhor com tudo isto.

Dúvidas da alternativa a seguir? NÃO!!!

A hipótese 2 tem muito mais prazeres que a primeira!! E é para ela que vou continuar a trabalhar!

Novidades: Tenho 22.7% de massa gorda, que é quase o valor normal para a minha idade, segundo as tabelas de referência mais estritas ( se tomar esta como referência, até estou a rasar o limite inferior :)).

Ah, e, nestes últimos dias, parece que acho que afinal a barriga não está nada maior... eu é que devo estar a ficar paranóica!

14 comentários:

Branquinha disse...

Olá ;)

Penso que a opção 2 é mesmo a melhor, mas tu sabes melhor do que ninguém como te sentes melhor ;)

****

Luciani disse...

uaii amiga vc sabe o melhor para vc...se esta se sentindo bem assim parabens. seao lute pelos objetivos
bom fim de semana
bjoss

Amendoinha disse...

Percebo que tenhas metido na cabeça que queres os 59, mas se com os 60, 61 kg, te sentes óptima, estás com um IMC normal, a tua vida (já) não é sedentária, estás a exercitar-te frequentemente, a ficar "riginha", pensa como mulher magra que já és e não como a gordinha de 90 kilos, que tinha o sonho dos 59!
Certamente que quando idealizaste os 59 kg como meta para ti, não pensaste que irias ter que trabalhar fisicamente para não ficares flácida e cheia de peles penduradas, provavelmente nem pensaste que a pele não iria encolher normalmente. Deves ter pensado que emagrecias e ficarias logo (ou quase logo) como as modelos das revistas! Deves ter pensado algo do género "é só tapar a boca e emagreço, ficando como quero ficar"!
Essa era a visão de quem não estava dentro da realidade desse peso e dessa perda de peso! Agora que já a vivenciaste, agora que estás com esse peso, sabes o que é melhor para ti. Será que os 59 são mesmo precisos?
Também penso que a 2º opção é a mais correcta. Mas não baixes os braços e não deixes nunca, mas NUNCA, de te exercitares fisicamente, ok? Quem sabe se um dia não chegas a esse peso.
É preferível manteres-te nos 60 do que desceres aos 59 e, passadas 2 semanas estares nos 61!!

Quanto à "je" eu sei, por experiência própria, que conseguimos muito mais do que o que inicialmente julgamos, um dia conto-te a "história da minha vida" pois quase que dava um filme (não indiano, mas português): cheguei a ser, simultanemante, esposa, mãe, dona de casa, professora, explicadora e estudante universitária (com a faculdade a 80 km de distância de casa e para a qual ia todos os dias , de 2ª a 6ª) durante 3 anos e sobrevivi. A minha sorte é que sempre tive a meu lado um homem que sempre me apoiou, ajudou e incentivou nestas "loucuras". O outro curso de mestrado que tenho, fi-lo alguns anos após a licenciatura, em Lisboa.
Este ao menos é aqui... não preciso de fazer 160 km para ir à aulas, espero levá-lo até ao fim, até terminar a tese, mesmo!
Bjs e não te preocupes de não me escreveres com frequência, mais vale pouco mas bom! :-)
Bjokas

Amendoinha disse...

PS: desculpa o "testamento" anterior!

Peluchinha disse...

Olá linda...

A tua meta deve ser o teu bem-estar físico e psicológico e, a meu ver, estás no bom caminho.

Beijokinhas doces e continua assim, com essa força toda.

NARINHA disse...

Faço minha as palavras da amendoinha, vejas o que te faz feliz hoje e sempre, se sentes bem é o que importa. Bjus e boa semana!

Sabrina Mix disse...

Oi, Estelinha!

Também fico com esse pré-dilema (ainda falta muito para eu chegar a tê-lo realmente). Mas com certeza a segunda opção é muito melhor. Vais virar uma popozuda saradona!

Beijos e sucesso!!!

Garfieldzita disse...

Tu és inteligente! Pensas por ti mesma, queres o melhor para ti... e devido a isso tudo superaste todos os obstaculos que encontraste no caminho...

E agora, voltaste a usar a tua inteligencia....

Parabens pela escolha..

bjokas

Yoni disse...

ola!
nao conhecia o teu blogue...tambem sou nova nisto...
mas foi bom, e confesso que inspirador, ver que alguem que tem o meu peso está a alcançar o seu objectivo.
obrigada, por estares a conseguir!

Marisa disse...

Nem preciso de dizer que concordo com tudinho, pois não? ;))

Parabéns pelo resultado! Quando chegar aí vou fazer uma festa! ehehe ;)

nem cheguei a dizer que tive vontade de te dar beijos com aquele post dos soutiens ..rss A ver se tiro as medidas e desta acerto com o número. tenho-me sentido em terra de ninguém. o número que usava antes de engordar n me serve e o que usava depois da engorda também não. E não consigo encontrar um que assente. Impressionante! Já experimentei lojas inteiras e consegui comprar 2 com que não me sinto muito confortável sequer. Acho que o problema não é dos soutiens, mas da modelo que precisa de perder mais uns bons kilinhos..rs

Beijocas

Anónimo disse...

Olá,
Chamo-me Sónia... acabei de encontrar o teu blog e tenho mesmo de te dar os parabéns pela força de vontade e pelos resultados alcançados!
As tuas fotos são incrivéis, tás mesmo muti bem e muito bonita nem pareces a mesma pessoa.
Também precisava de emagrecer, será que me podes dar umas dicas do que fizeste, o tipo de alimentação, se fazias exercicio e quantas vezes e se eventualmente tomaste algo p emagrecer.
Se me puderes dar umas indicações ficava muito grata. Não tenho blog, o meu e-mail é: sonitavssonita@gmail.com
Obrigado

resolução minha disse...

tenho de comprar uma balança dessas, não faço ideia de quanto tenho de massa gorda... claro que a segunda opção é bem mais sensata.

Bjs

Papoila disse...

onde andas, ó senhorita dói-dói??? tenho saudades tuas, pá!

beijoca

ah... e tu já sabes a minha opinião, certo?
beijos :)))))

MZ disse...

já passaram tantos dias... e nada de novo aqui!

fazes falta!
bjs
MZ